29 de fevereiro de 2012

Acorda dorminhoco!



Acorda dorminhoco!


Desperta, ó tu que dormes!
?Pelo que diz: desperta, ó tu que dormes, e levanta-te dentre os mortos, e cristo te esclarecerá.? Efésios 5.14 (arc).

Despertar: Acordar, tirar do sono.
O sono e a morte são equiparados entre si; e ambas essas coisas servem de figuras simbólicas da alma que, devido a morte espiritual e às trevas, ficam separadas da fonte de luz e vida que é Cristo Jesus. A vereda descendente pode começar com o que se pensa ser algo de somenos. As ninharias se multiplicam na vida do indivíduo, e não demora que ele comece a tolerar os pecados antigos, sendo destruído por eles, perdendo a luz de Cristo em sua vida. (nti)


Deixe a mentira

Pelo que deixai a mentira e falai a verdade cada um com o seu próximo; porque somos membros uns dos outros.
Efésios 4.25. (arc).
?....mentira....? No grego é ?pseudos?, qualquer tipo de ?falsidade?, proferida ou vivida. O anticristo é retratado no N.T. como quem realizará ?prodígios da mentira?, isto é, supostos milagres que iludem, como também meras palavras podem ser usadas para enganar. (Ver II Tes. 2:9). A mentira é uma das características do diabo, por ser ele o ?pai da mentira? (ver João 8:44). E pode-se mentir tanto com as palavras como com a conduta diária. (nti).

Tenha linguajar puro

Não saia da vossa boca nenhuma palavra torpe, mas só a que for boa para promover a edificação, para que dê graça aos que a ouvem.
Ef. 4. 29. (arc)
?...palavra torpe...? é tradução do termo grego ?sapros?, que significa ?podre?, ?decadente?, usada para indicar peixe, carne ou vida vegetal estragados, ou seja, figuradamente, ?mau?, ?corrupto?, ?imoral?, dando a idéia de ?torpeza?. (nti).

Não seja imoral

Porque bem sabeis isto: que nenhum fornicador, ou impuro, ou avarento, o qual é idólatra, tem herança no Reino de Cristo e de Deus.
Ef.5. 5. (arc)
O apóstolo Paulo sabia, bem como os efésios, com certeza absoluta, que todos os indivíduos (quer dentro da igreja, quer fora dela), sendo imorais, impuros ou avarentos (i.e., amando as coisas do mundo mais do que a Deus) estavam fora do reino de Cristo. Os profetas do AT assim ensinaram com forte convicção (ver Jr 8.7 nota; 23.17 nota; Ez. 13.10 nota), bem como os apóstolos e a igreja do NT (ver I Co 6.9 nota; Gl. 5.21 nota). Quem cometesse tais pecados evidenciava claramente que não era salvo; que não tinha vida em Deus (ver Jo. 8.42 nota; I Jo. 3.15 nota). (bep).

Não se deixe enganar

Ninguém vos engane com palavras vãs; porque por essas coisas vem a ira de Deus sobre os filhos da desobediência.
Ef.5. 6. (arc).
Paulo sabia que alguns falsos mestres diriam aos efésios que não precisavam temer a ira de Deus contra eles, por causa de sua imoralidade. Por isso, ele os admoesta: ?Ninguém vos engane?. Fica claro, aqui, que alguém pode ser enganado a ponto de crer que pessoas imorais têm herança no reino de Cristo. (bep).

Ande como filho da luz

Porque, noutro tempo, éreis trevas, mas, agora, sois luz no Senhor; andai como filhos da luz.
Ef. 5. 8. (arc).
Paulo deseja que os crentes façam mais do que se abster das coisas que trazem a ira de Deus. Eles devem viver como filhos da luz (Cl. 1.13, nota). O resultado da união dos crentes com Cristo, aquele que é ?a luz do mundo? (Jo. 8.12; 9.5), é que eles também são feitos ?luz do mundo? (Mt 5.14). (beg).

Condene as obras das trevas

E não comuniqueis com as obras infrutuosas das trevas, mas, antes, condenai-as.
Ef. 5. 11. (arc).
Aquele que é em tudo leal a Cristo, não pode ser neutro, nem manter silêncio quanto às ?obras infrutuosas das trevas? (v.11) e à imoralidade (vv.3-6). Deve sempre estar pronto a desmascarar, repreender e denunciar o mal em todas as suas formas. Bradar sinceramente contra toda a iniqüidade é odiar o pecado (Hb. 1.9), tomar posição com Deus, contra o mal (Sl. 94.16) e permanecer fiel a Cristo, o qual também denunciava as obras das trevas (Jo. 7.7; Is 15.18-20; cf. Lc. 22.28). (bep).

Desperte do sono espiritual

E isto digo, conhecendo o tempo, que é já hora de despertarmos do sono; porque a nossa salvação está, agora, mais perto de nós do que quando aceitamos a fé.
Romanos 13. 11. (arc).
?...despertarmos do sono...? A preguiça e a sonolência espiritual devem deixar de caracterizar o crente. Essa palavra dá a entender um estado de estupor mundano, de descuido ou negligência, ou de simples insensibilidade ou indiferença para com as realidades espirituais, atitudes errôneas essas que caracterizam até mesmo muitos crentes que fazem profissão de dar crédito no fim próximo de nossa era ou dispensação, devido ao segundo advento de Cristo. (nti).

Conserve vivo o dom de Deus que você recebeu

Por este motivo, te lembro que despertes o dom de Deus, que existe em ti pela imposição das minhas mãos.
II Timóteo 1.6. (arc).
?...despertes o dom de Deus...? O ?dom? (gr.charisma) concedido a Timóteo é comparado a uma fogueira (cf. I Ts. 5.19) que ele precisa manter acesa. O ?dom? era, provavelmente, o poder específico do Espírito Santo sobre ele para realizar o seu ministério. Note aqui que os dons e o poder que o Espírito Santo nos concede não permanecem automaticamente fortes e vitais. Precisam ser alimentados pela graça de Deus, mediante nossa oração, fé, obediência e diligência. (bep).

Deixe-se admoestar

E tenho por justo, enquanto estiver neste tabernáculo, despertar-vos com admoestações.
II Pedro 1.13. (arc).
Pedro tinha consciência que era sua obrigação, admoestar os cristãos de então a ?despertar?, afim de que estivessem preparados para o encontro com o Senhor nos ares. DESPERTA, Ó TU QUE DORMES!